casal brigando

102 – Quando discussão e briga são necessárias

Certa vez estava numa reunião com a equipe e começou um quebra-pau, discussão, lavagem de roupa suja, gente ficando em pé, batendo a mão na mesa, levantando o dedo em riste. Resumindo, foi uma confusão. Leia mais no site #blogdobubsi

Anúncios
Nenhum comentário

Certa vez estava numa reunião com a equipe e começou um quebra-pau, discussão, lavagem de roupa suja, gente ficando em pé, batendo a mão na mesa, levantando o dedo em riste. Resumindo, foi uma confusão.

Quando a coisa esquentou, cheguei a cadeira pra trás e deixei o mundo se acabar, enquanto isso, minha consultora assustada, com os olhos arregalados me encarava esperando qual seria minha reação.

Eu comecei a rir baixo, depois quase gargalhei e fiquei com a cara de alegria tão grande, como uma criança que tivesse enfim recebido o presente tão esperado.

A coisa foi tão esquisita que os ânimos foram voltando pro centro, o debate foi de acalorado para morno e só então eu falei a minha primeira coisa sobre o assunto: Vocês não imaginam como estou feliz! Disse. E repeti.

O espanto só não foi maior, porque resolvi não fazer tanto suspense e entrar nas razões que me deixavam com tamanha alegria.

Senhores, hoje realmente posso acreditar que nenhum assunto passa desta mesa sem que haja o debate e argumentos necessários. Até o dia anterior sabia que existiam conversas não resolvidas, sombras e discordâncias não declaradas. Agora sabia que não havia mais espaço para meninices.

Isto se chama maturidade

De fato houve uma demonstração clara que tínhamos passado a um outro nível de maturidade.

O resto do debate e todas as discussões e provocações que viemos a ter no futuro foram resolvidas e bem resolvidas.

Confesso que havia os provocado e estimulado algumas vezes antes, mas naquele dia tudo virou. O processo que nos levou a este dia demorou uns bons seis meses, mas valeu cada segundo dedicado… Existia, enfim, confiança. Os resultados que se seguiram, de fato, foram extraordinários.

Eu já contei a saga da confiança, relacionamentos e compromissos… Quem quiser voltar e reler fique à vontade.

* * *

Hoje faz 28 anos que conheci aquela que ia ser a minha companheira de vida e amanhã faz 18 anos que nasceu o primeiro fruto deste amor. E há exatos 51 anos atrás meus pais disseram o sim definitivo. Adoro fevereiro…

Anúncios

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

script async src="//pagead2.googlesyndication.com/pagead/js/adsbygoogle.js">