mulher em pé numa sala de reunião

105 – A arte de apresentar um projeto

um comentário

Quando chega a hora de apresentar o seu tão sonhado projeto para seu chefe, alguns cuidados e uma certeza. A certeza é que haverá ansiedade antes, durante e depois!

Então entre os cuidados, um deles vai ser para administrá-la.

Mas vamos pela ordem dos fatos. Quando você recebe ou provoca a oportunidade de preparar, e depois apresentar, um projeto, é uma sensação única, que mistura responsabilidade, expectativas, desafio, dedicação… a lista é longa, mas resumindo: é a motivação correndo nas veias!

Partindo do princípio que temos as competências adequadas à tarefa, o que se segue quase sempre será o mesmo roteiro.

Só um detalhe, quando falei que temos as competências necessárias, uma delas é reunir informações com qualquer pessoa ou fonte confiável para completar o trabalho. Não quis dizer que temos em nós todas as respostas, longe disso.

Mãos à obra

Primeiro existe um planejamento adequado do que precisa ser feito, o pedido na maioria das vezes é incompleto e vago, justamente para você preencher estas lacunas. O planejamento também existirá se você for o autor da ideia.

A forma de apresentar depende do tempo, do interlocutor, do conteúdo. Fundamental entendermos qual o perfil dos aprovadores. Conhecendo fica mais fácil, mas mesmo se conhecer, dependendo do dia, a receptividade será diferente, então leve sempre o plano B.

Você poderá ir ter que direto ao assunto, ou detalhar mais, construir uma narrativa ou contar a solução proposta. Esteja pronto pra mais de um cenário.

Aprofunde o conteúdo a ponto de haver entendimento claro do que você propõe e deixe sempre alternativas para serem decididas. Lembre-se você não é o único interessado em trazer boas soluções pro negócio e, existe mais de um caminho possível.

Respire fundo, concentre-se e dê o seu melhor. (já falei sobre isto antes)

No fim, enquanto a resposta não vem, há o intervalo de tempo infinito entre o sair da apresentação e o receber o telefonema, o e-mail, ou qualquer outro meio de resposta. Sensação compatível com a da espera do resultado última prova da faculdade antes de nos formarmos.

Após a alegria ou aprendizado, ou ambos, teremos que estar prontos para o próximo projeto que virá.

E por fim, segue um ensinamento de um grande chefe que tive: se não aprovarem o projeto, a culpa é sua e não de quem aprova. Você que não conseguiu convencê-lo da sua importância e necessidade. Então não resta saída a não ser voltar para a página 1 e tentar de novo. Desistir nunca será uma opção!

* * *

Para ler mais:

089 – Quando falta inspiração tem que sobrar vontade

085 – Velocidade, eu sou a velocidade

Anúncios

1 comentário em “105 – A arte de apresentar um projeto”

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

script async src="//pagead2.googlesyndication.com/pagead/js/adsbygoogle.js">