154 – Rodando a quilometragem

Entrei nesta história numa terça-feira pela manhã, já era o início do centésimo dia do ano e o mundo não seria mais o mesmo. Parabéns pra mim. #blogdobubsi

Anúncios
Nenhum comentário

Entrei nesta história numa terça-feira pela manhã, já era o início do centésimo dia do ano e o mundo não seria mais o mesmo. Parabéns pra mim.

Já deixo o agradecimento pelas mensagens, pelos zaps e pelas ligações recebidas e todas as outras formas de carinho e apreço.

Confesso que a minha maior alegria é ver o tempo passar, com saúde e energia para concretizar os muitos sonhos que me restam.

Mesmo distante de alguns, vou deixando minha história, parte dela registrada nesta nuvem, seja lá o que isso signifique na prática, mas esta agenda ajuda a manter pensamentos registrados.

Não pretendo largar esta corrida tão cedo, acho que os próximos 46 anos vão ser os mais divertidos, tenho a maturidade e a experiência, e vou curtir mais o tempo, sem a desejo juvenil de que ele passe rápido.

De qualquer forma, que sejam bem vividos e que sejam repletos de amigos e de momentos mágicos. Obrigado por seguirem comigo nesta jornada e vamos em frente atrás das próximas boas lembranças.

Para ler mais:

122 – A melhor das partes

133 – O imprevisível e os bons vícios

Anúncios

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

script async src="//pagead2.googlesyndication.com/pagead/js/adsbygoogle.js">