155 – Contato visual

Olho no olho! Assim que se resolvem os problemas. Diferenças podem até não ser conciliadas, isso é inerente à natureza humana. #blogdobubsi

Anúncios
Nenhum comentário

Olho no olho! Assim que se resolvem os problemas. Diferenças podem até não ser conciliadas, isso é inerente à natureza humana

Mas o contato visual conecta as pessoas em suas emoções e seus pensamentos. E é o melhor atalho para a boa negociação.

Muito se fala sobre a força do olhar, das expressões que ele pode ter. Desde a reprovação por algum ato, a curiosidade, ou até a alegria, tudo passa pelo olhar.

E todos temos exemplos onde se explica isto. Pra mim o mais difícil sempre foi manter o contato visual, quando estávamos naquelas inúteis reuniões sem fim… o primeiro sinal que nos dispersamos é cansarmos de acompanhar os discursos vazios que se acumulam.

Seja qual for a história por trás, pode ser influenciada ou até mesmo destruída, dependendo da expressão que passamos.

Então quando há encontros importantes e decisivos pelo caminho fique firme e mantenha parte da sua energia focada em não perder o contato visual. Aqui cabe uma observação para que não pareçam maníacos encarando desproporcionalmente aqueles ao redor.

Meu apelo é que a empatia surja e com ela o olhar caminhe confirmando a legitimidade de suas intenções.

A contra-indicação é quando seus propósitos forem menos nobres do que os declarados. Daí não tenho nada a dizer.

Para ler mais:

125 – Seguro na incerteza

111 – O espetáculo por trás do espetáculo

Anúncios

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

script async src="//pagead2.googlesyndication.com/pagead/js/adsbygoogle.js">